quinta-feira, 30 de abril de 2015

Resenha: Lolita

Lolita, escrito por Vladimir Nabokov, despertou as mais diversas emoções no decorrer da minha leitura. Primeiro, fiquei maravilhada com a escrita do livro. Nabokov utiliza uma técnica de escrita que até então eu nunca tinha visto em lugar nenhum (até tenho um pouco de receio de ler outras coisas agora e acabar me decepcionando com isso). 

O enredo, em si, é bem polêmico. O livro conta a história de um homem de meia idade, Humbert, que se apaixona por Lolita, uma menina de 12 anos. Humbert meio que fica obcecado por ela. Fiquei bastante indignada e até mesmo com nojo (segunda e terceira emoções) de algumas coisas que acontecem no decorrer do livro.

Muitas pessoas me falaram que é a Lolita quem seduz o Humbert. Inclusive, na adaptação de 1997 dá mesmo a impressão de que foi algo consensual, de que foi a Lolita quem provocava o Humbert, só que no livro fica bastante claro que não. Até certo ponto da história, acredito que Lolita vê tudo como uma brincadeira, uma provocação, porém depois de um certo fato, fica claro que ela não estava mais gostando daquilo, e acredito que ela permanece com o Humbert somente porque está perdida e não tem mais ninguém a quem recorrer. Humbert inclusive faz chantagens e ameaças, chegando até a drogá-la e a lhe dar dinheiro em troca do seu "bom comportamento" para com ele.

Gostei muito da leitura desse livro e o recomendo! É incrível como um livro tão disgusting acaba sendo interessante e despertando a curiosidade para saber o que vem a seguir. Ele não tem uma linguagem difícil de entender, apesar de ter sido escrito na década de 1940. A edição da editora Alfaguara infelizmente não é muito bem traduzida, por isso espero poder ler Lolita no idioma original (inglês) em breve.

Enfim, se eu tivesse que dar uma nota pra essa maravilha certamente seria 10/10 


Título: Lolita
Autor: Vladimir Nabokov
Editora: Alfaguara
Páginas: 392

Um comentário:

Anônimo disse...

Onde consigo comprar esse livro q tenha no caso a capa identica a essa ?????

Postar um comentário